São Mateus: Travesti é morta a tiros após assalto

Uma pessoa foi morta a tiros em São Mateus, Norte do Espírito Santo, crime registrado na noite desta terça-feira (27).

A vítima é um travesti que fazia programas em um conhecido ponto, no Centro da cidade, mas uma testemunha disse que "os tiros não era para ela". De acordo com a testemunhas, outras travestis estavam no ponto localizado perto da BR 101, quando um homem se revoltou ao ser vítima de um assalto. As travestis correram, mas a vítima teria permanecido  no local, pois nada devia, e acabou morrendo.

A travesti, conhecida como Pitty, trabalhava como cabeleireira,  mas também atuava fazendo programa. Ela era bastante conhecida na cidade. O corpo foi levado para o Serviço Médico Legal (SML) de Linhares.