Ministério Público denuncia eleitor de Nova Venécia por violação do sigilo de voto

O Ministério Público Eleitoral (MPE), por meio da Promotoria Eleitoral de Nova Venécia, apresentou mais uma denúncia contra um eleitor por violação do sigilo de voto, nas eleições de domingo (07/10). O MPE requer a condenação de dano moral coletivo e a suspensão dos direitos políticos do denunciado.

O denunciado publicou a foto do voto para presidente da República em uma rede social, durante o horário em que estava ocorrendo a votação para as eleições gerais. Ainda de acordo com a denúncia, o número de seguidores do denunciado aumenta o potencial da divulgação dos votos e da violação do sigilo.