Balanças móveis da BR 259 são interditadas após denúncias do deputado Da Vitória

O Instituto de Pesos e Medidas do Espírito Santo (Ipem) interditou as balanças móveis instaladas na BR-259, na altura de Colatina e João Neiva. A interdição ocorreu após denúncias feitas pelo deputado federal Da Vitória (Cidadania/ES), que apontava inconsistências nos equipamentos utilizados.

No último mês de março, em reunião com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, e em abril durante audiência pública realizada na Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados, com a presença de técnicos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Da Vitória relatou que recebeu mais de 100 notificações aplicadas a motoristas apontando divergência na pesagem dos veículos.

“As denúncias que recebemos mostram divergências entre o peso registrado no local de onde os caminhões saiam e chegavam com o que as balanças apontava. Fizemos denúncias ao Dnit, ao Ministério da Infraestrutura e pedimos que os órgãos de fiscalização realizassem o aferimento das balanças. Hoje, o Ipem constatou que os equipamentos não estavam de acordo com o que deveria estar”, destacou o deputado Da Vitória.

Na fiscalização, os técnicos do Ipem detectaram irregularidades na superfície onde estavam instaladas as balanças e erros no aferimento da pesagem.