Ação anima usuários e colaboradores do Hospital Estadual de Urgência e Emergência

A assistente social Paula Campos tem o hábito de entregar bilhetes com textos motivacionais e versículos bíblicos durante os atendimentos realizados com pacientes e acompanhantes do Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), em Vitória, na quinta-feira (06). A iniciativa da profissional, iniciada em setembro do ano passado, conquistou também os colegas de trabalho.

‚ÄúO ambiente hospitalar √© um local que devemos acolher as pessoas, pois elas est√£o fragilizadas devido ao estado de sa√ļde. E no final, o ganho √© m√ļtuo, pois tamb√©m somos recompensados com o carinho dos usu√°rios e profissionais do hospital‚ÄĚ, comentou a assistente social.

A iniciativa ganhou refor√ßo com a participa√ß√£o de colaboradores de v√°rios setores do hospital. De forma descontra√≠da, com perucas e instrumentos musicais, eles visitaram os leitos das enfermarias e emocionaram as pessoas. Uma delas foi a diarista Luciane Mendes, que h√° 12 dias acompanha a m√£e no hospital. ‚ÄúEssa √© a primeira vez que vejo uma a√ß√£o dessa dentro de um ambiente hospitalar. Fiquei muito feliz com a alegria do pessoal. A equipe est√° de parab√©ns‚ÄĚ, disse.

A paciente Nilza Vieira, m√£e da Luciene, acrescentou que, com a presen√ßa dos colaboradores na enfermaria, ela at√© esqueceu que estava dentro de um hospital. ‚ÄúO dia ficou mais alegre com a presen√ßa deles aqui. Isso faz bem para n√≥s que estamos aqui internados, cheios de saudades de casa‚ÄĚ, contou a paciente.

 

 

Acolhimento no hospital

A visita√ß√£o nos leitos, promovida por volunt√°rios do Servi√ßo de Capelania, acontece semanalmente no Hospital Estadual de Urg√™ncia e Emerg√™ncia. Can√ß√Ķes levam emo√ß√£o para pacientes, acompanhantes, visitantes e colaboradores. Al√©m disso, todas as quartas-feiras, no hor√°rio do almo√ßo, acontece um momento de reflex√£o com o Grupo de Ora√ß√£o, composto por profissionais do HEUE. A assist√™ncia ao acompanhante tamb√©m √© realizada na unidade. Nas sextas-feiras √© realizada a Reuni√£o de Acolhimento, que tem o objetivo de orientar os usu√°rios quanto √† rotina do hospital.

O HEUE √© um hospital p√ļblico, refer√™ncia capixaba no atendimento ao trauma, administrado pela Pr√≥-Sa√ļde Associa√ß√£o Beneficente de Assist√™ncia Social e Hospitalar, por meio de contrato de gest√£o firmado com a Secretaria de Estado da Sa√ļde (Sesa).

 

 

Sobre a Pr√≥-Sa√ļde

A Pr√≥-Sa√ļde √© uma entidade filantr√≥pica que realiza a gest√£o de servi√ßos de sa√ļde e administra√ß√£o hospitalar h√° mais de 50 anos. Seu trabalho de intelig√™ncia visa a promo√ß√£o da qualidade, humaniza√ß√£o e sustentabilidade. Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milh√£o de pacientes atendidos por m√™s, √© uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente realiza a gest√£o de unidades de sa√ļde presentes em 23 cidades de 11 Estados brasileiros ‚ÄĒ a maioria no √Ęmbito do SUS (Sistema √önico de Sa√ļde). Atua amparada por seus princ√≠pios organizacionais, governan√ßa corporativa, pol√≠tica de integridade e valores crist√£os.

A cria√ß√£o da Pr√≥-Sa√ļde fez parte de um movimento que estava √† frente de seu tempo: a profissionaliza√ß√£o da a√ß√£o beneficente na sa√ļde, um passo necess√°rio para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que n√£o podiam pagar pelo servi√ßo. O padre Niversindo Ant√īnio Cherubin, defensor da gest√£o profissional da sa√ļde e tamb√©m pioneiro na cria√ß√£o de cursos de Administra√ß√£o Hospitalar no Pa√≠s, foi o primeiro presidente da institui√ß√£o.

ÔĽŅ
ÔĽŅ