Condenada por homicídio triplamente qualificado se entrega à Polícia Civil

A equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Santa Maria de Jetibá prendeu, na última quarta-feira (7), Rosinéia Ferreira da Silva, 32 anos. Ela foi condenada pela Justiça a 18 anos de prisão por conta de um homicídio triplamente qualificado que ocorreu no ano de 2005, nas dependências do presídio feminino de Tucum, Cariacica, local onde Rosinéia estava presa à época pela prática de crime de tráfico de entorpecente.

Segundo o delegado Fabrício Lucindo, titular da DP de Santa Maria, Rosinéia tomou conhecimento do mandado de prisão e se apresentou voluntariamente a delegacia para cumprimento. Segundo informações apuradas na região, Rosinéia tentava viver uma vida normal e familiar em Santa Maria de Jetibá.

Após os trâmites legais a presa foi encaminhada ao presídio de Bubu, Cariacica, a disposição da Justiça.