Mais de 26 mil professores começam capacitação em ambiente virtual

A Secretaria de Estado da Educa√ß√£o (Sedu), em regime de colabora√ß√£o com a Uni√£o dos Dirigentes Municipais de Educa√ß√£o do Esp√≠rito Santo (Undime-ES), iniciou, na √ļltima segunda-feira (12), de forma in√©dita- em ambiente virtual e nas escolas ‚Äď, a capacita√ß√£o dos profissionais do magist√©rio do Estado para o novo curr√≠culo.

A a√ß√£o mobiliza toda a Rede Estadual de Ensino, incluindo escolas de 74 munic√≠pios, e conta com mais de 26 mil professores. O objetivo √© garantir a implementa√ß√£o do Novo Curr√≠culo do Esp√≠rito Santo e, assim, promover mudan√ßas metodol√≥gicas nas redes p√ļblicas de ensino, de maneira a fazer com que os profissionais da Educa√ß√£o reorganizem suas pr√°ticas a partir do estudo do documento curricular, que orientar√° a Educa√ß√£o nos pr√≥ximos anos.

O Programa de Apoio à Implementação da Base Nacional Comum Curricular (ProBNCC), desenvolvido em 2018, com o auxílio de uma equipe de redatores do Estado e dos municípios, resultou no documento curricular da Educação Infantil e do Ensino Fundamental. Atualmente, o documento do Ensino Médio está sendo elaborado.

Segundo a assessora de Apoio Curricular e Educa√ß√£o Ambiental da Sedu, Aleide Cristina de Camargo, ‚Äúos processos de constru√ß√£o contaram com a participa√ß√£o de representantes escolares da Rede Estadual e das redes municipais. Agora, o grande desafio √© levar essa orienta√ß√£o para as escolas. Esse trabalho colaborativo entre Estado e munic√≠pios no Esp√≠rito Santo √©, hoje, uma refer√™ncia nacional‚ÄĚ, disse.

De acordo com a subsecret√°ria de Planejamento e Avalia√ß√£o, Isaura Nobre, ‚Äúessa demanda marca o in√≠cio da atua√ß√£o do Centro de Forma√ß√£o dos Profissionais da Educa√ß√£o do Esp√≠rito Santo (Cefope) no √Ęmbito virtual que, agora, tamb√©m passa a ser lugar educativo para a forma√ß√£o a dist√Ęncia‚ÄĚ, destacou.

A gerente de Estudos, Pesquisa, Qualifica√ß√£o e Desenvolvimento dos Profissionais do Magist√©rio da Sedu, Mariana Pozzatti, explicou que ‚Äúa forma√ß√£o √© estruturada em um modelo h√≠brido, presencial e on-line‚ÄĚ. Ela ressaltou ainda a relev√Ęncia do cen√°rio colocado como contexto formativo, apostando, assim, na organiza√ß√£o dos tempos de trabalho do professor, na sua autonomia e na inova√ß√£o dos ambientes de estudos.

A ação também se constitui como etapa inicial da implementação do Currículo do Espírito Santo, na garantia do direito à aprendizagem com equidade para todos os alunos do território capixaba, diz Andréa Guzzo Pereira, subsecretária da Educação Básica e Profissional.

De forma integrada, equipes da Sedu adaptaram as possibilidades de um Curso on-line aberto e massivo (Mooc). A inciativa partiu do di√°logo com a Assessoria Especial em Tecnologia Educacional e com o apoio da Ger√™ncia de Tecnologia da Informa√ß√£o da Sedu. A equipe respons√°vel pela forma√ß√£o, portanto, apropriou-se de uma estrutura j√° existente na rede para propor uma sala de aula virtual, em que est√£o concentrados os conte√ļdos formativos e os cursistas. ‚ÄúEssa √© uma alternativa que permite fazer chegar a forma√ß√£o at√© os docentes de diferentes lugares do Estado‚ÄĚ, refor√ßou a subsecret√°ria de Planejamento e Avalia√ß√£o, Isaura Nobre.

 

Curso

Além do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), a formação será realizada em horário de trabalho e o Módulo I já inicia nesta segunda-feira (12). Semanalmente, os professores farão encontros presenciais nas escolas, em seus respectivos turnos.

Em di√°logo ainda mais intenso e constante entre os setores da Sedu e as representa√ß√Ķes da Undime-ES, ‚Äúficou definido que quem conhece a melhor disponibilidade para o tempo de forma√ß√£o s√£o os pr√≥prios docentes. Por isso, h√° uma flexibilidade de organiza√ß√£o dos hor√°rios formativos, desde que respeitadas a carga hor√°ria e as orienta√ß√Ķes formadoras‚ÄĚ, afirmou Mariana Pozzatti.

Toda a forma√ß√£o compreender√° tr√™s m√≥dulos introdut√≥rios dos princ√≠pios dos documentos curriculares da Educa√ß√£o B√°sica do Esp√≠rito Santo e ser√° realizada entre os meses de setembro e novembro deste ano. As a√ß√Ķes formativas ser√£o divulgadas em meio digital a partir de setembro.

ÔĽŅ
ÔĽŅ