Renova Campanha Agenda Integrada
Tyago Hoffman

Vítima de fakenews, Secretário de Governo consegue liminares na Justiça em todos os processos movidos contra site.

"A utilização de expressões de baixo calão, como por exemplo ‘cambalacho do Secretário’ indicam um caráter criminoso na atuação de Hoffman e não se revestem de conteúdo jornalístico informativo", afirma juiz

27/07/2020 15h37
Por: Redação ES 24 HORAS

As eleições estão chegando. E com elas, uma grande arma também surge. Os ataques virtuais, seja por materiais fora de contexto, selecionados para apresentarem apenas um lado da verdade ou simplesmente “fake news”. A bola da vez agora é o atual secretário de Estado Tyago Hoffman. Nada menos que cinco liminares favoráveis foram concedidas a Hoffman após postagens de cunho difamatório feitos pelo site Notícias Folha do ES.

Conforme uma das decisões judiciais, proferidas na última quarta-feira (22) pela 2ª Vara Cível de Vitória e assinada eletronicamente pelo Desembargador Robson Luiz Albanez, “A utilização de expressões de baixo calão, como por exemplo ‘cambalacho do Secretário’ e premissas que indicam um caráter criminoso na atuação do Secretário de Governo não se revestem de conteúdo jornalístico informativo, que contribui para o fomento da discussão política pela sociedade capixaba, ao revés, apenas tem o condão de criar e disseminar discurso de ódio; contribuir para a desinformação da população em geral, mormente daqueles que não tem o hábito de checar a veracidade da notícia que consomem; além de denegrir a imagem de um cidadão”.

O magistrado determinou que a exclusão da matéria, sob pena de multa de R$ 15 mil por dia 

Para Tyago Hoffmann, as liminares concedidas pelo Judiciário capixaba representam o reconhecimento de que ele está sendo vítima de “calúnia, difamação e de notícias falsas”, com o propósito de atingir o Governo do Estado e “assassinar reputações”.

Em entrevista à imprensa, Tyago Hoffmann explicou que “a ética do Jornalismo exige de seus profissionais uma posição firme e coerente para que haja sempre espaço para o contraditório. Eu nunca fui ouvido no âmbito dessas publicações. Jornalistas não podem criar fatos sob a forma de jornalismo investigativo para ludibriar pessoas, como a Invenção de crimes”,

Ele acrescenta que a “liberdade de imprensa tem que existir sempre. Jornalismo livre é fundamental para a democracia. Graças a essa liberdade, escândalos criminosos foram descobertos no Brasil e no mundo afora. Estarei sempre ao lado da liberdade de imprensa e de expressão. Porém, liberdade com responsabilidade. O que estão fazendo, no âmbito das ações que impetrei na Just iça, é atingir o governo. O que eles querem é assinar reputações. Isso eu jamais vou aceitar”, concluiu Tyago Hoffmann.

Segundo o blog  do jornalista Elimar Côrtes, “Ao longo dos últimos meses, Folha do ES vem publicando artigos, sem conteúdo jornalístico, informações a respeito de supostas irregularidades cometidas em cidades da Bahia. Informações com conteúdo jornalístico precisam ter sustentação, como, por exemplo, apresentação de documentos e entrevistas com quem faz parte das investigações ou do polo de ações judiciais.

Nós não conseguimos contato com o jornalista em questão, nem seus representantes legais. O espaço ficará aberto para pronunciamento por meio do e-meil [email protected]

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Vitória - ES
Atualizado às 10h28
26°
Nuvens esparsas Máxima: 29° - Mínima: 19°
27°

Sensação

24 km/h

Vento

61%

Umidade

Fonte: Climatempo
Renova
Ripple
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas