REFIS PML
Finanças

Especialistas do Banestes dão dicas para quitar dívidas e organizar finanças

O primeiro passo para quitar as dívidas é estabelecer diálogo com o credor e, em seguida, buscar uma negociação

16/07/2021 15h07Atualizado há 3 semanas
Por: Redação ES 24 HORAS
A inadimplência pode levar à inscrição do nome do devedor em órgãos de restrição ao crédito.
A inadimplência pode levar à inscrição do nome do devedor em órgãos de restrição ao crédito.

Sem o planejamento financeiro adequado, as dívidas podem se tornar bolas de neve. Afinal, a inadimplência pode levar à inscrição do nome do devedor em órgãos de restrição ao crédito e, com o “nome sujo”, as oportunidades de negócio tornam-se ainda mais limitadas. Especialistas do Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) alertam para a importância de quitar as dívidas pendentes antes de traçar novas metas.

CLIQUE AQUI E SIGA NOSSO CANAL NO INSTAGRAM

De acordo com o economista-chefe do Banestes e diretor-presidente da Banestes DTVM, Antônio Marcus Machado, sair da inadimplência é fundamental, pois abre novas portas para o consumidor. “A principal vantagem de quitar as dívidas é restabelecer o crédito, o que permite voltar a investir no próprio crescimento. Essa possibilidade aumenta a autoestima do adimplente e seu otimismo em relação ao futuro”, afirmou.  

De acordo com o economista, o primeiro passo para quitar as dívidas é estabelecer diálogo com o credor e, em seguida, buscar uma negociação que seja vantajosa para ambas as partes.

Além disso, o especialista afirma que é importante enxergar as instituições financeiras como aliadas nesse processo. “Um banco é um amigo que pode te ajudar a organizar as finanças e esse é o momento ideal para buscar quitar as dívidas e recomeçar a vida sem pendências após a pandemia”, pontuou Antônio Marcus Machado.

Para isso, os clientes do Banestes podem contar com as melhores condições para renegociação de dívidas da história da instituição. Durante o Feirão Acordo Fácil Banestes, que vai até o dia 30 de setembro, o Banco vai oferecer aos clientes descontos de até 100% em juros, correção e multa, além do parcelamento da dívida em até 99 meses.

Podem ser renegociados todos os produtos oferecidos pelo Banestes, contanto que as dívidas não ultrapassem o valor de até R$ 500 mil para clientes pessoa física (PF) e R$ 1 milhão para clientes pessoa jurídica (PJ), e que, em ambos os casos, o atraso seja superior a 60 dias.

Quitar as dívidas é um passo fundamental, mas não é tudo, como ressalta o economista e consultor da Diretoria de Negócios e Recuperação de Ativos do Banestes (Diner), José Márcio de Barros. “Aprender sobre educação financeira é essencial para evitar voltar a adquirir dívidas que não cabem no orçamento e fugir da inadimplência”, explicou o consultor.

“É importante gastar sempre menos do que se ganha, estar ciente do orçamento e se reeducar para consumir de maneira consciente. Adquirir novos hábitos pode ser difícil, por isso, busque se informar sobre o assunto e procure ajuda de profissionais, caso julgue necessário”, disse o economista.

Para contribuir com a disseminação de conhecimentos sobre o tema “educação financeira”, o Banestes lançou recentemente uma página exclusiva sobre o assunto, que reúne dicas de economia e planejamento para organização das finanças pessoais, disponível no endereço https://www.banestes.com.br/educacao-financeira.

Além disso, a instituição financeira publica periodicamente publica conteúdos informativos em seus perfis oficiais nas redes sociais. Para se conectar, acesse os ícones de “Mídias Sociais” disponíveis no site www.banestes.com.br.

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Vitória - ES
Atualizado às 18h35
22°
Nuvens esparsas Máxima: 26° - Mínima: 17°
22°

Sensação

26 km/h

Vento

73%

Umidade

Fonte: Climatempo
Ripple
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Ele1 - Criar site de notícias